Renata Olah

Renata Olah Follow

Fisioterapeuta Obstétrica e Doula.
Informação simples sobre gestação, parto e sexualidade.
Para consultas, me chama no Whats pelo link! 📲👇🏼

http://bit.ly/2CGJGwT

5,982 Followers  958 Follow

Share Share Share

Fisioterapia pélvica é legal, é recomendada e é evidência científica bacana! 🥰
IUE = incontinência urinária de esforço (quando perde xixi aos esforços, tosse, espirros, corrida, etc)
IUM = incontinência urinária mista (quando há perdas aos esforços e também sinais de hiperatividade como ficar acordando pra fazer xixi, ir ao banheiro muuuuitas vezes, ter urgência e sair correndo, etc) .
.

#Repost @fernandapachecourofisio 
#fisioobstetrica #fisiopelvica #fisiopreparto #fisioposparto #fisioterapia #campinas #fisiodoula #partonormal #gestante #posparto #puerperio
E lá se foi a última aula de 2018! Encerramos o ano com mais conhecimento, amizades e risadas! A pós ainda segue, mas desejo desde agora que 2019 seja um ano brilhante para todas essas mulheres que compartilharam comigo seus finais de semana, suas lutas, dificuldades e aprendizados! Obrigada suas doidas!!! 😍🥰 #fisioobstetrica #ichcusp #obstetricia #fisioterapia
Isso vale para gestantes, famílias e também profissionais! Inclusive fisioterapeutas que trabalham com gestantes, viu?! Não é porque atendem grávidas que entendem e acreditam na humanização do parto! 😉
.
.
#Repost @violenciaobstetrica_ :

Sabe quando começamos a falar sobre parto humanizado e o direito das mulheres e, consequentemente, de Violência Obstétrica?

Daí você conversa e explica e algumas mulheres realmente ficam chocadas com o tamanho das violências apresentadas.

No entanto, escutamos muito: "Eu queria um parto normal, mas meu médico disse que não deu. E minha cesárea foi tão tranquila!".
E essa mulher provavelmente terá mais uma cesárea, a menos que a porta da humanização se abra por dentro... Tentar convencer uma pessoa que não sofreu em um parto mal assistido e que a cesárea foi maravilinda de que a cesárea, em si, já é uma violência, com muito mais riscos do que um parto humanizado é difícil.

Não conseguiremos convencer a todas a ter um parto natural humanizado, mas uma hora o senso comum muda e o mais aceito será o parto normal e não a cirurgia. 
Para isso, não entre em embate. Respeite, escute e entenda que cada uma viveu uma realidade circunstancial de parto e que, nem sempre, será reconhecida a violência porque aquela mulher se sentiu acolhida! 
O caminho é longo e, aos poucos conseguiremos mudar a nossa realidade! Em frente!

#nascerdireito #violenciaobstetrica #direitodamulher #direitosnoparto #humanização #partohumanizado #partonatural #direitoshumanos #partohumanizadocampinas #fisioobstetrica #fisiodoula
Enquanto estudos, relatos, documentários, programas de tv como @profissaoreporter de ontem, mostram e provam as falhas na assistência, o Conselho Federal de Medicina questiona o uso do termo “violência obstétrica” considerando-o uma agressão.
Vai entender.... 🤷🏻‍♀️🤷🏻‍♀️🤷🏻‍♀️ À propósito, nunca vi profissional que trabalhe baseando sua prática em evidências, recomendações atualizadas e real amor pelo que faz, se sentir agredido com o termo. Muito pelo contrário!  #partonormal #partohumanizado #partoadequado #oms #ans #sus #obstetricia #humanizacaodasaude #humanizacaodoparto #violenciaobstetrica #sofiafeldman #susquedacerto #diretrizesparaopartonormal #ministeriodasaude
#Repost @fisiopelv with @get_repost
・・・
Muitas vezes, quando fazemos postagens sobre a preparação perineal para o parto normal, lemos comentários (às vezes um tanto agressivos) atacando a prática, como sendo apenas uma maneira de se criar serviços para ganhar dinheiro, que o corpo se prepara naturalmente e tal.

Porém, todas as técnicas empregadas são baseadas em estudos científicos e, embora muitos não saibam, o aparelho que utilizamos chamado EPI-NO foi criado inspirado em uma prática que as tribos africanas utilizam há muitos séculos para evitarem as lacerações no momento do parto.

Sim, a ideia, que levou ao desenvolvimento do EPI-NO é originária da África, onde gentilmente se insere uma cabaça na vagina para alongar os músculos do assoalho pélvico, para facilitar o parto natural e reduzir o risco de lesão perineal. O médico obstetra alemão Dr. Welheim Horkel testemunhou o uso desses instrumentos durante uma missão médica da qual participou na África na década de 1980. A partir da observação deste velho costume Africano - ainda em uso hoje - o balão inflável EPI-NO e seu modo de utilização foram desenvolvidos, com o apoio de recursos mais modernos. “Mas Lari, o parto não é fisiológico? Eu preciso mesmo fazer isso?” Sim, o parto é fisiológico, mas quando utilizamos recursos para nos prepararmos e ganharmos consciência, nos empoderamos e nos tornamos muito mais ativas, contribuindo de maneira positiva para um parto muito mais saudável e rápido.

Afinal, estamos aqui para promover saúde! 😉🎀 @repost  @maternare  #gestante #gravida #gravidez #maternidade #parto #PartoNatural #PartoNormal #perineo #PreparacaoParaOParto #PreparacaoPerineal #VamosCuidarDaPeriquita
Dica da Jé! 🥰

#Repost @mamaternando:

Quando a gente recebe a notícia de que nasceu um bebê de alguém que a gente gosta muito, vem uma vontade muito grande de conhecer o pitico. E nessa ânsia de conhecer o bebê, a gente esquece que aqueles pais também estão o conhecendo pela primeira vez. O bebê que chegou é uma pessoa nova naquela família,  a gente não sabe nada sobre ele. Naqueles primeiros dias de vida,  todos estão se reconhecendo nos determinados papéis.  Nasce um bebê, uma mãe, um pai, avós,  uma nova conformação daquela família, e fica tudo confuso.  Além disso,  o bebê vem ainda sem defesas na parte imunológica,  ou seja, está  mais propenso  a adquirir doenças.  Pensando nisso, fica bastante clara  a necessidade de restringir as visitas a princípio.  Os primeiros dias com o bebê são,  geralmente,  caóticos. Privação de sono, confusão, amamentação se estabelecendo, às vezes tem pontos cicatrizando, mil coisas novas pra lidar. Qualquer pessoa a mais naquele contexto, mesmo com a melhor intenção, pode atrapalhar.  Portanto,  sempre  pergunte qual o melhor horário para visitá-los. Se possível, evite o primeiro mês.  Leve algo para comer,  algum presente para a mãe, ou apenas se ofereça para fazer algo por ela.  Não pegue  o bebê caso não seja oferecido. Cuide da mãe,  para que ela possa cuidar melhor do seu bebê. Lave uma louça,  estenda a roupa, passe um café.  Seja útil. E não se demore.  Geralmente os pais se encontram  exaustos, e podem estar encabulados de pedir que você se retire. É muito difícil ter um bebê. Entenda que não é nada pessoal, são adaptações necessárias, e logo você poderá frequentar mais a casa da família. Mas, nesse primeiro momento, é melhor dar este espaço pra eles se encaixarem na nova rotina. 
Esse texto te ajudou? Marque alguém que possa se beneficiar dele também! ♡

#maternidadereal #puerpério #bebê #recémnascido #pósparto #visitas #Mamaternando
Mostrar um pouco do trabalho é importante para que mais pessoas conheçam o que fazemos, mas realmente atender via internet é complicado. 
Como vou prescrever exercícios para tratar alguma condição sem avaliar? 
Sem ter colocado a mão, testado, olhado de pertinho e ver o que aquela pessoa precisa? Sem estar com a paciente, corrigindo o movimento, pedindo atenção para força, relaxamento, respiração ou qualquer outra característica do movimento proposto? 
Estando do ladinho já é difícil pras pacientes, imagina de longe?! .
.
Imagem respostada da @fisioparaelas .
.

#fisioobstetrica #fisioterapia #fisiopelvica #fisioterapeutas #fisiocampinas #fisioterapiacampinas
Há 10 anos atrás, quando comecei acompanhar partos não tinha com quem dividir os cuidados com a gestante em casa. 
Me sobrava opção de ir mais cedo para o hospital para que a mulher e bebê fossem monitorados (fase ativa precisa ser olhada de perto!), o que muitas vezes atrapalha o andamento do trabalho de parto!
De tempos para cá, felizmente, enfermeiras obstetricas e obstetrizes (profissionais graduadas pela Usp, único curso do país a formar parteiras urbanas) começaram a oferecer o monitoramento e cuidado desde domicílio até o hospital! Isso garante segurança para todo mundo, inclusive pra mim (que como já falei mil vezes, não posso auscultar bebê e nem verificar dilatação da mãe). Geralmente chego antes na casa da gestante, verifico como as contrações estão, e aviso a EO/Obst. Então ela vai pra casa da gestante também, e fica de olho nos aspectos técnicos do processo, mantendo obstetra informada(o) e permitindo com que eu me preocupe apenas em cuidar das dores e bem estar da mulher. Os trabalhos se complementam, se somam, e promovem maior sucesso e satisfação com o parto!
Mesmo quem vai ter obstetra particular, pode ter as EOs e Obsts em seus trabalhos de parto. Aliás, obstetras humanizados recomendam a presença dessas profissionais, justamente pra garantir monitoramento e para chegarmos mais tarde possível no hospital, pois já estamos bem cientes de que internação precoce só atrapalha. 
E quem não terá equipe, sempre recomendo que tenha pelo menos a EO/Obst, justamente pra garantir o monitoramento do trabalho de parto. 
Nas fotos, algumas das profissionais daqui que adoro, trabalhei e tenho o prazer de trabalhar junto! Obrigada meninas!!! Trabalho de parto com vocês é sempre melhor! 🥰 .
.
#partohumanizadocampinas #partonormal #enfermagemobstetrica #obstetriz #obstetricia #fisiodoula #fisioobstetrica #fisiocampinas #doulacampinas
Qual caminho você quer seguir nessa gestação, sabendo que o destino final é o nascimento do seu bebê? 
Qualquer caminho serve? 
Um parto tradicional? 
Uma cesárea? 
Um parto humanizado no hospital? 
Ou em casa? 
Tanto faz se for parto normal ou cesárea? 
Prefere não se informar ou quer saber de tudo? 
Enxoval e rituais sociais são prioridade ou introspecção e preparo são mais relevantes?
Preparar a viagem, curtir o caminho e apreciar a vista, ou viajar sem destino, de olhos vendados e seja o que Deus quiser?

O que é importante pra você, Alice? .
.
#doulacampinas #partonormal #fisioobstetrica #fisiodoula #partohumanizadocampinas #fisiocampinas #gestante
Ah como queria que hospitais de Campinas tivessem um solarium dentro do centro obstétrico, tipo esse do HC, pra deambular com gestantes em trabalho de parto..... 😢 .
.
#partonormal #fisioobstetrica #partohumanizadocampinas #fisiodoula #doulacampinas
Quem se identifica levanta a mão! 🙋🏻‍♀️ .
.
(Quem souber a fonte da imagem me conta! )
.
. 
#fisioobstetrica #partonormal #partohumanizadocampinas #fisiocpinas #fisiodoula #doulacampinas
E aí eu te pergunto: Qual o problema de não aguentar? O corpo é seu, a dor é sua, o cansaço é seu, o limite é seu, o bebê é seu, o parto é seu! Ninguém tem a ver com isso! NINGUÉM!! Nem amigas, acompanhante, família, equipe, seguidoras do instagram, o Papa.... 🤣
Se não aguentar precisa ir pra cesárea? Não!!! 🤩
A analgesia existe pra isso: pra dar um respiro, um descanso, um alívio e o parto seguir. 
Lógico que, como qualquer medicação que pode gerar efeitos colaterais, não é pra ser administrada a torto e à direito, nas primeiras contrações pois aumenta-se o risco da cascata de intervenções (qualquer hora falo dela!). Por isso antes da analgesia, esgotamos todos recursos não farmacológicos de alívio da dor, focamos em manter a gestante com energia, e tentamos tocar o trabalho de parto para que haja uma dilatação maior possível e bebê mais baixinha(o) possível (muitas mulheres dão conta do processo todo dessa forma, e quando percebem o parto acabou e analgesia nem foi feita!).
Comidinhas, hidratação, pés quentes, massagem, pressões ósseas, respiração, banhos quentes, posturas, reboladas, caminhadas, banheira, apoio com palavras de encorajamento e acolhimento são recursos que usamos antes da analgesia.
Mas se naaaada der conta (pode ser que a dor não te incomode, mas a exaustão de um trabalho de parto longo, mina energia da mulher!) a analgesia está lá pra isso (sei que há alguns hospitais pelo país que não ofertam analgesia às gestantes, mas por aqui em Campinas, os hospitais têm!). Então, gata... foque na informação que dor e cansaço NÃO SÃO PROBLEMA!! São partes do processo e que podem ser manejadas. Ok? 
Toca o barco, e vai que vai! 😉 .
.
#partonormal #partohumanizadocampinas #fisioobstetrica #fisiodoula #fisiocampinas #doulacampinas