Grande Ponto

Grande Ponto Follow

ūüíĽPortal de not√≠cias do RN.
ūüď≤ Mande um oi para receber not√≠cias no WhatsApp 99111-5595
ūüď© redacao@grandeponto.com.br
#jornalismo #notícias #informaçã

http://www.grandeponto.com.br/

2,620 Followers  5,918 Follow

Share Share Share

O presidente Jair Bolsonaro se manifestou pela primeira vez, na tarde deste s√°bado (20), ap√≥s a pol√™mica declara√ß√£o que deu ao se referir ao Nordeste como ‚ÄúPara√≠ba‚ÄĚ e criticar o governador do Maranh√£o, Fl√°vio Dino. Bolsonaro disse, em entrevista no Pal√°cio da Alvorada, que n√£o se referiu ao Nordeste ao fazer uso do termo ‚ÄúPara√≠ba‚ÄĚ e culpou a imprensa pela ‚Äúfesta‚ÄĚ feita ap√≥s a declara√ß√£o. Bolsonaro disse que sua inten√ß√£o era se referir ao governador do Maranh√£o, Fl√°vio Dino, e ao da Para√≠ba, Jo√£o Azev√™do, e n√£o ao povo nordestino.
‚ÄúEu fiz uma cr√≠tica ao governador do Maranh√£o e da Para√≠ba, vivem esculhambando obras federais, que n√£o s√£o deles, s√£o do povo. A cr√≠tica que eu fiz foi aos governadores, nada mais. Em tr√™s segundos, voc√™s da m√≠dia fazem uma festa. Eles s√£o unidos, eles t√™m uma ideologia, perderam as elei√ß√Ķes. Tentam o tempo todo, atrav√©s da desinforma√ß√£o, manipular eleitores nordestinos. O parlamento n√£o √© t√£o raso como est√£o pensando‚ÄĚ, declarou.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
O grupo de comunica√ß√£o social potiguar ‚ÄúDial Natal‚ÄĚ enviou carta ao presidente Jair Bolsonaro sugerindo que ele convide o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, para uma uma homenagem √† ‚ÄúConfer√™ncia do Potengi‚ÄĚ, marcada para o dia 28 de janeiro de 2020. As informa√ß√Ķes s√£o da Tribuna do Norte.
A confer√™ncia do Potengi foi um encontro entre os presidentes dos Estados Unidos, Franklin Delano Roosevelt e do Brasil, Get√ļlio Vargas, que aconteceu nessa mesma data, no ano de 1943, em plena II Guerra Mundial. O encontro entre os dois presidentes selou o acordo para a instala√ß√£o da Base A√©rea de Parnamirim (Parnamirim Field) pelos americanos, local essencial para os Aliados chegarem √† Europa para o campo de batalha contra os pa√≠ses do Eixo.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
O deputado federal Jos√© Medeiros, que √© natural de Caic√≥, mas deputado federal eleito pelo Mato Grosso, minimizou as palavras de Bolsonaro, que teria usado um termo pejorativo para se referir ao Nordeste ao criticar o governador do Maranh√£o, Fl√°vio Dino: ‚ÄúDaqueles governadores de Para√≠ba, o pior √© o do Maranh√£o‚ÄĚ, disse o presidente.
Por meio de sua conta no Twitter, o caicoense radicado no Mato Groso minimizou: ‚ÄúSou de Caic√≥ no Rio Grande do Norte e me chamaram de Para√≠ba por muito tempo, nem sabia que isso era uma ofensa, tenho direito a uma pens√£o vital√≠cia por isso Damares Alves (referindo-se √† ministra)‚ÄĚ, disse o deputado, seguido da hashtag #paraibanaoeofensa.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
O ministro S√©rgio Moro (Justi√ßa) saiu em defesa de Jair Bolsonaro neste s√°bado (20) ap√≥s a pol√™mica fala do presidente fazer refer√™ncia ao Nordeste como ‚ÄúPara√≠ba‚ÄĚ e criticar o governador do Maranh√£o, Fl√°vio Dino (PCdoB). Moro disse, por meio do Twitter, que o Nordeste tem sido tratado sem preconceito pelo Governo Federal e lembrou a crise da seguran√ßa p√ļblica no Estado do Cear√°, quando o governo autorizou o envio da For√ßa nacional e da For√ßa de interven√ß√£o penitenci√°ria ao estado.
‚ÄúUm testemunho: Em janeiro, na crise de seguran√ßa do Cear√°, o presidente Jair Bolsonaro, primeira semana de governo, n√£o hesitou em autorizar o envio da For√ßa nacional e da For√ßa de interven√ß√£o penitenci√°ria e em disponibilizar vagas em pres√≠dios federais para as lideran√ßas criminosas‚ÄĚ, escreveu o ministro Moro.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
A presidente do Sindicato dos Agentes Penitenciários (Sindasp/RN) Vilma Batista divulgou um vídeo nesta sexta-feira (19) em frente ao gabinete do secretário de Planejamento e Finanças do RN Aldemir Freire afirmando que a Seplan não tem nenhuma perspectiva para o pagamento das diárias operacionais de junho dos agentes penitenciários. Ela lembrou ainda que alguns agentes sequer receberam o pagamento das diárias de maio.
Diante da situa√ß√£o, a presidente do Sindasp-RN reafirmou a decis√£o do sindicato, tomada em Assembleia na √ļltima ter√ßa-feira (16), de iniciar o procedimento de opera√ß√£o padr√£o. Apesar do sindicato ter decidido iniciar tal procedimento s√≥ a partir do pr√≥ximo dia 23, a presidente do sindicato afirmou que os agentes, de imediato, n√£o realizasse mais di√°rias operacionais.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
O deputado estadual Coronel Azevedo (PSL) divulgou uma Nota de Indignação neste sábado (20) lamentando a morte de mais um policial no Rio Grande do Norte, dessa vez, nessa sexta-feira (19), do PM da reserva Adonilson Oliveira, de 77 anos, morto quando se dirigia ao Instituto dos Cegos, no Alecrim, onde trabalhava atualmente.
Na nota divulgada nas redes sociais do Coronel Azevedo, que √© ex-comandante-geral da PM no Rio Grande do Norte, ele fala em ‚Äúmassacre de policiais‚ÄĚ e ‚Äúca√ßada macabra‚ÄĚ e questiona se o Governo do Estado √© a favor da pol√≠cia ou "prefere quem elimina os bravos guerreiros". No fim da nota o deputado ainda diz que o governo ‚Äúdemonstra n√£o gostar de pol√≠cia‚ÄĚ. Leia a nota na √≠ntegra no grandeponto.com.br. #pol√≠cia #inseguran√ßa #viol√™ncia #riograndedonorte
Os governadores do Nordeste emitiram uma carta na noite desta sexta-feira (19) após o presidente Jair Bolsonaro usar um termo pejorativo para se referir ao Nordeste e criticar o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). "Daqueles governadores de 'paraíba', o pior é o do Maranhão; tem que ter nada com esse cara".
Na carta os governadores pedem esclarecimentos por parte da presid√™ncia da Rep√ļblica e reiteram a "defesa da Federa√ß√£o e da democracia". A governadora F√°tima Bezerra (PT) tamb√©m compartilhou a carta em suas redes sociais.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
O presidente Jair Bolsonaro usou um termo pejorativo nesta sexta-feira (19) para se referir ao Nordeste e criticar o governador do Maranhão, Flávio Dino (PCdoB). "Daqueles governadores de 'paraíba', o pior é o do Maranhão; tem que ter nada com esse cara". O uso do termo "Paraíba", bem como as críticas ao governador do Maranhão provocaram a reação dos governadores da região.
A fala do presidente se deu durante uma conversa informal com o ministro Onyx Lorenzoni (Casa Civil) antes de dar início a um café da manhã com jornalistas da imprensa estrangeira no Palácio do Planalto, em Brasília, na manhã desta sexta-feira (19).
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
Raquel Pacheco, mais conhecida como a ex-prostituta Bruna Surfistinha, rebateu as declara√ß√Ķes do Presidente da Rep√ļblica, Jair Bolsonaro, de que n√£o pode "admitir que com dinheiro p√ļblico se fa√ßam filmes (como esse)", mencionando o longa "Bruna Surfistinha", lan√ßado em 2011 com Deborah Secco no papel principal.
Ao Jornal EXTRA, Raquel, que trabalha DJ e oferece um serviço on-line de consultoria sexual, classificou a fala do presidente como "infeliz" e disse que ele "deveria cuidar da moral da própria família".
"Sobre mais uma infeliz declaração do Bolsonaro, eu digo que ele, antes de fazer juízo de valor sobre os outros, ele deveria cuidar da moral da própria família, e ainda do nosso país. Afinal, ele está cuidando demais do que não precisa e fazendo pouco do dever dele principal, que é ser presidente", disse ela.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
O Tribunal de Contas do RN reajustou o subs√≠dio mensal dos Conselheiros do Tribunal, bem como dos Procuradores do Minist√©rio P√ļblico junto ao Tribunal de Contas. O reajuste foi publicado no Di√°rio Eletr√īnico desta sexta-feira (18), conforme Resolu√ß√£o n¬ļ 007/2019.
Com a resolução, os vencimentos dos conselheiros e procuradores, cujo valor corresponde ao percentual de 90,25% do subsídio dos ministros do Supremo Tribunal Federal, sobem para R$ 35,4 mil, quando antes eram R$ 30,4 mil.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
Ex-ministro do Governo Lula,¬† Antonio Palocci afirmou que alguns dos principais bancos do pa√≠s fizeram doa√ß√Ķes eleitorais milion√°rias a campanhas do PT em troca de favores nos governos dos ex-presidentes Luiz In√°cio Lula da Silva e Dilma Rousseff.
Em acordo de dela√ß√£o homologado pela Justi√ßa, o ex-petista citou casos que envolvem Banco do Brasil, Bradesco, BTG Pactual, Ita√ļ Unibanco e Safra. De acordo com Palocci, os bancos buscavam informa√ß√Ķes privilegiadas sobre mudan√ßas na taxa b√°sica de juros e apoio do governo na defesa de seus interesses.¬†Procurados pelo jornal, todos negam irregularidades e dizem que as doa√ß√Ķes foram legais.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.
√Č destaque na revista Veja. Em 1¬ļ setembro do ano passado, ningu√©m deu aten√ß√£o a uma mensagem no Facebook que trazia uma amea√ßa ao ent√£o deputado Jair Bolsonaro. O autor escreveu que testaria ‚Äúa valentia‚ÄĚ do ent√£o candidato do PSL √† Presid√™ncia da Rep√ļblica quando os dois se encontrassem e que ele ‚Äúmerecia‚ÄĚ levar um tiro na cabe√ßa. Ningu√©m deu aten√ß√£o √† postagem porque amea√ßas assim quase sempre n√£o passam de bravatas. Ningu√©m deu aten√ß√£o porque o autor, um gar√ßom desempregado, tamb√©m costumava publicar em sua p√°gina na rede social textos desconexos e teorias conspirat√≥rias absolutamente sem sentido. Parecia coisa de maluco. Cinco dias depois, no entanto, Ad√©lio Bispo de Oliveira, o autor da mensagem, esfaqueou Bolsonaro em uma passeata em Juiz de Fora (MG). O agressor de fato era um desequilibrado mental, mas o atentado ensinou que amea√ßas n√£o devem ser subestimadas, por mais improv√°veis que pare√ßam.
H√° seis meses a Pol√≠cia Federal ca√ßa, ainda sem sucesso, os integrantes de um grupo terrorista que j√° praticou pelo menos tr√™s atentados a bomba em Bras√≠lia e anuncia como seu objetivo mais audacioso matar o presidente da Rep√ļblica. Nas duas √ļltimas semanas, VEJA entrevistou um dos l√≠deres da Sociedade Secreta Silvestre (SSS), que se apresenta como bra√ßo brasileiro do Individualistas que Tendem ao Selvagem (ITS), uma organiza√ß√£o internacional que se diz ecoextremista e √© investigada por promover ataques a pol√≠ticos e empres√°rios em v√°rios pa√≠ses. O terrorista identifica-se como ‚ÄúAnhang√°‚ÄĚ. Por orienta√ß√£o do grupo, o contato foi feito pela deep web, uma esp√©cie de √°rea clandestina da internet que, irrastre√°vel, √© utilizada como meio de comunica√ß√£o por criminosos de v√°rias modalidades.
Acesse grandeponto.com.br e leia matéria completa.