Lê Delicor

Lê Delicor Follow

📚 @faroeditorial e @astral.cultural
📫 Cx. Postal 15516 Ac. Vila Jardim - Porto Alegre/RS
91311-970
👩‍💻 Blog e outras redes sociais ⬇️

http://www.lelendolido.com.br/

5,390 Followers  1,129 Follow

Share Share Share

Finalmente eu li O Ódio que Você Semeia, de Angie Thomas.
.
Sinopse: Starr Carter é uma adolescente negra que presencia o assassinato de Khalil, seu melhor amigo, por um policial branco. Ela é forçada a testemunhar no tribunal por ser a única pessoa presente na cena do crime. Mesmo sofrendo uma série de chantagens, ela está disposta a dizer a verdade pela honra de seu amigo, custe o que custar.
.
Eu gostei muito da leitura. Ler sobre racismo sempre é um aprendizado. A morte de negros inocentes por policiais brancos é uma triste realidade, e foi chocante ver o modo como a polícia lida com isso. Na minha opinião, a autora não abordou o tema com tanta profundidade, mas o modo como ela apresenta o assunto é ótimo para o público alvo.
.
Agora estou ansiosa para ver como ficou o filme. E vocês já leram o livro ou assistiram ao filme? O que acharam?
Ver a crueldade de uma guerra civil aos olhos de crianças é chocante, e foi pensando nisso que o jornalista francês Phillppe Lobjois revolveu ir até Aleppo, uma das principais cidades da Síria e que está completamente destruída pelos bombardeios, para encontrar e conhecer histórias sobre os sobreviventes do conflito.
.
Foi assim que ele conheceu Myriam, uma menina que desde os 6 anos de idade viveu os horrores da guerra. Ela mantinha um diário, no qual relatava seu dia a dia, e por isso o jornalista pensou em publicar ele em forma de livro, para que assim todos pudessem ler como era estar “dentro” do confronto.
.
A narrativa do livro é feita em primeira pessoa por Myriam, que narra o dia a dia dela, assim acompanhamos cinco anos da vida da menina. Ela começa seu diário antes do conflito, e com isso vemos a chegada da guerra e o impacto dela na realidade da família de Myriam. É chocante ver os dias passando e a rotina mudando, as preocupações chegando e os bombardeios e a violência aumentando.
.
É muito triste ver que no início ela era muito alegre, que tinha uma vida normal de criança, e depois virou uma menina preocupada com sua sobrevivência. O tocante é que mesmo assim, alguns interesses não são deixados de lado, como a sua preocupação com a escola. Fiquei muito assustada em ver como as pessoas precisavam viver com a incerteza se o outro dia chegaria para eles.
.
O Diário de Myriam é um livro que assusta pela sua dura realidade, mas que emociona pela força de vontade de uma menina que sobreviveu a uma guerra.
Depois de conhecer, no volume anterior da série, um pouco os personagens principais desse livro, fiquei curiosa para saber o que o futuro reservaria para os dois. Fiquei surpresa com a leitura, pois a autora construiu uma trama cheia de momentos inesperados.
.
O que eu mais gostei nessa leitura foi o sucesso que uma loja de departamento tinha naquela época. É claro que ela não era frequentada pela alta sociedade, mas ver a elite se rendendo aos itens ou até mesmo visitando a loja me divertiu muito. Além disso, gostei muito das questões levantadas sobre o protagonista não ser considerado digno da alta sociedade, apesar de ser muito rico, pelo simples fato de que sua riqueza não veio de berço, mas do esforço do seu trabalho. Que injusto! .
A escrita de Lisa é muito fluida e gostosa de ler, ela desenvolve a história de modo prático, explorando vários elementos da trama. Seu forte são as cenas quentes, pois há muita sensualidade no que ela escreve, o que deixa esses momentos eróticos e também românticos.
.
Esse segundo volume segue a linha cronológica dos acontecimentos do primeiro por isso os personagens do primeiro livro aparecem com destaque novamente. Eles tem papel crucial em tudo que acontece e eu fiquei feliz em vê-los um pouco mais explorados. Percebi que essa é uma característica bem marcante da autora, que não abandona seus personagens no livro anterior, ela continua com eles, mesmo que de segundo plano.
.
Uma Noiva para Winterborne confirma as minhas suspeitas de que Lisa Kleypas é uma autora que segue uma linha narrativa diferentes do que normalmente vemos em romances de época (pelo menos do que vi até agora). Ela explora o lado mais sensual dos personagens, entrelaça sua tramas e aborda os temas de forma direta e prática. Mais um ótimo livro do gênero!
Esse foi meu primeiro contato com a Lisa Kleypas. Estou conhecendo ultimamente muitas autoras que escrevem romance de época e, quanto mais leio, mais me apaixono pelo gênero. Lisa revelou-se uma autora diferente de todas que já li até agora, mostrando que há muitas formas de contar essas histórias. .
A primeira diferença está que diferentemente das autoras que conheci, ela explora muito mais as cenas quentes entre os protagonistas. Eu curti muito o modo como ela desenvolveu esses momentos, pois há muita sensualidade no que ela escreve, o que deixa esses momentos eróticos, porém românticos. A escrita de Lisa é muito fluida e gostosa de ler, ela desenvolve a história de modo prático, explorando vários elementos da trama.
.
Além dessa novidade na leitura, Lisa mostrou, nesse primeiro livro, que vai amarrar sua série. Até então eu só tinha lido romances em que a ordem de leitura não era obrigatória, pois as histórias, mesmo que trazendo uma linha linear e explorando personagens que já foram mostrados em livros anteriores, eram independentes. Contudo, aqui, a autora apresenta, logo após a metade do livro, o casal que será protagonista do próximo volume da série. Com isso, o foco muda em um determinado ponto do livro, e isso tirou um pouco o foco de Devon e Kathleen. Não sei dizer se isso é bom ou ruim, contudo acabei me desconectando dos reais protagonistas.
.
Lisa Kleypas é uma autora diferente, e por isso ganhou meu coração.
💬 À Beira da Loucura, que eu peguei para ler sem dar nenhuma crédito, foi uma ótima surpresa. O livro me tirou o sono, e eu li ele em apenas um dia.
.
💬O que me ganhou nessa leitura foi o elemento incerteza. Cass tem vários lapsos de memória durante a narrativa, e isso deixava ela perdida e com medo. Eu ficava imaginando como deve ser horrível não lembrar ou não ter certeza do que se fez, e isso que deu um ar mais agoniante para o livro, pois sempre que a protagonista era confrontada com uma verdade diferente daquele que ela lembrava, eu ficava mais perdida que ela.
.
💬À Beira da Loucura foi um livro que me surpreendeu, ele começa de uma forma mais lenta, mas seu enredo vai sendo construído para prender o leitor atá as última páginas, quando a narrativa fica mais acelerada.
.
📘Cass mora em uma linda casa em um bosque longe da cidade. Tudo na vida dela é calmo e tranquilo até o momento em que, ao voltar à noite de uma festa, ela vê um carro parado no acostamento da estrada durante uma forte tempestade. Ela para um pouco à frente do carro, mas não se sente segura para sair e oferecer ajuda, logo indo embora.
.
📘Ao acordar pela manhã, Cass se sente incomodada por não ter ajudado a pessoa naquele carro, esse sentimento de culpa aumenta quando ela fica sabendo pelo marido que uma mulher foi encontrada morta dentro de um carro naquele local.
.
📘Já tomada pelo medo, pois o crime aconteceu perto de sua casa e assassino ainda está a solta, outros acontecimentos começam a tormenta a vida de Cass, ela começa a receber ligações misteriosas de alguém que nunca fala nada do outro lado da linha. Além disso, ela começou a esquecer de momentos de sua vida, como onde deixou o carro no supermercado ou quando marcou de almoçar com os amigos. Isso tudo só piora a situação de medo e pânico presente na sua vida. Ela vai precisar manter o foco para provar que não está ficando louca.
☁A Nuvem é o segundo volume da trilogia Scythe. O primeiro volume, O Ceifador, foi uma das minhas melhores leituras de 2017.
.
⬇O que eu achei da continuação?⬇
.
☁Depois de um primeiro livro cheio de questionamento sobre a morte e sobre quem tem o direito de tirar a vida de alguém quando isso faz-se necessário, Shusterman deixou esse segundo livro para explorar melhor o mundo criado por ele. É claro que assuntos como corrupção e ambição continuam sendo levantados aqui. O autor aproveita também para mostrar melhor o funcionamento da Ceifa, mostrando que para toda a ideia sempre haverá adeptos.
.
☁O que faltou de informações sobre a era Era da Imortalidade no livro anterior tem de sobra aqui. Através da Nimbo-Cúmulo e de seus diários, descobrimos como o mundo chegou a essa nova realidade e como funciona os pensamentos da inteligência artificial. Foi muito interessante ver os motivos que a levaram a escolher controlar praticamente tudo no mundo, mas não controlar a morte, deixando essas decisões em mãos humanas.
.
☁Aqui conhecemos outra realidade, os infratores: pessoas que tem suas fichas marcadas de vermelho, pois em determinado momento não seguiram as regras. Neal se preocupou em mostrar todo o processo que esse indivíduo passa quando é marcado pela ou pelas infrações. Mais uma vez, adorei!
.
☁Citra não é mais uma simples aprendiz, mas sim uma ceifadora, com seu próprio método de coleta. Gostei de ver ela mais madura e preocupada com o rumo dos acontecimentos. Rowan está em busca de justiça, e muitas vezes questionei as atitudes dele, ele demora um pouco mais para amadurecer, mas é perceptível sua evolução. Somos apresentados por um novo personagem, que tem um papel fundamental em toda a história, Greyson Tolliver. O que mais gostei nele foi em é a sua devoção pela Nimbo.
.
☁A Nuvem é uma ótima continuação, seu enredo é bem elaborado e seus questionamentos sobre o comportamento humano são atemporais. Essa trilogia tem tudo para virar um top da vida!
💀Ano passado a @darksidebooks lançou o segundo livro do selo Caveirinha, uma linha totalmente destinada ao público infantil. O primeiro livro O Fantástico Alfabeto Lovecraft foi uma forma lúdica e divertida de inaugurar o selo, e agora a editora apostou em um poema que toca corações, não só dos pequenos, mas dos adultos principalmente.
.
🐊Eu conhecia Maya Angelou somente de nome, nunca tive a oportunidade de ler nada dela, fiquei imensamente feliz de conhecê-la através desse poema. Essa edição é comemorativa aos 25 anos desse poema, um texto simplesmente muito sensível e impactante, que me deixou emocionada.
.
🐲A edição do livro é totalmente pensada nos pequenos leitores e está linda de morrer. O livro tem as bordas arredondadas e traz as pinturas do artista Jean-Michel Basquiat. As imagens estão bem colocadas nos trechos do poema e todas elas são passiveis de interpretação, elas passam ao leitor exatamente aquilo que o poema fala. Eu fiquei impressionada com o toque infantil e significativo das obras. Além disso, no final encontramos o poema em seu original.
.
🐉A Vida não me Assusta é um livro que certamente tocará o coração das crianças de todas as idades. Já quero conhecer outra obra da autora.
⛏Dentes de Dragão vai apresentar uma história baseada em um momento importantíssimo na história dos Estados Unidos, a Guerra dos Ossos, um período de descoberta de fósseis de dinossauros no oeste do país, nos ricos depósitos de ossos no Colorado, Nebraska e Wyoming.
.
⛏Esse momento também foi palco da rivalidade entre os dois paleontólogos apresentados no livro: Edward Drinker Cope e Othniel Charles Marsh. Como se sabe, eles recorriam a muitas trapaças para superarem um ao outro, inclusive roubavam e destruíam os ossos descobertos pelo rival. .
⛏Os dois descobriram mais de 130 novas espécies de dinossauros. Foi bem divertido acompanhar o modo como eles falavam um do outro durante a narrativa, o autor soube dar um tom cômico para as passagens envolvendo os dois.
.
⛏Dentes de Dragão é uma viagem no tempo, com direito a aventuras, caçadas e trapaças. Um livro ideal para quem quer ter um primeiro contato com o autor (esse foi o meu) e para quem curte livros de descobertas científicas, mas sem aquela linguagem rebuscada. Agora que já encontrei fósseis de dinossauros, preciso ter um encontro com eles vivos.
.
@editoraarqueiro
O Buraco da Agulha, de Ken Follett, ganhou, em 2018, uma edicão comemorativa de 40 anos de publicação.
.
📕Henry Faber é um espião alemão da mais alta confiança de Hitler, que está infiltrado há muitos anos na Inglaterra enviando informações para a Alemanha. Em um certo momento, ele acaba sendo descoberto pelo investigador Fred Bloggs e pelo historiador Percival Godliman, ambos do MI5. Os dois começam a investigar e ir atrás de cada passo que o assassino dá, porém, cada vez que se aproximavam, Faber mostrava-se mais inteligente e perspicaz.
. 📕Em meio a esse jogo de gato e rato, Faber acaba descobrindo um lugar muito suspeito, com aparatos de guerra, simulando um campo de batalha. Ele tira fotos do local, depois de passar por vários situações, rouba um barco e parte ao encontro do submarino alemão que o levará diretamente a Hitler.
. 📕Em meio a uma tempestade, ele perde o controle da sua embarcação e acaba naufragando em uma ilha, lá conhece Lucy Rose, uma mulher casada com um homem que não lhe dá a mínima. O que Faber não espera é que essa mulher simples, pode mudar o rumo da guerra.
.
➡ Algum fã do autor por aqui?
.
@editoraarqueiro
#instragrammer #bookwarm #euamolivros #igliterario  #igdelivros #bookaddict #bookphotography  #epicreads  #booklover #instalivros #bookstagram #bookslover #lovereading  #igreads
Enquanto namoro a nova edicão de A Metade Sombria que vem até com kit de marcadores, eu aproveito os volumes da coleção Biblioteca Stephen King que já tenho em casa!
.
@editorasuma
.
.
.
#instragrammer #bookwarm #euamolivros #igliterario  #igdelivros #bookaddict #bookphotography  #epicreads  #booklover #instalivros #bookstagram #bookslover #lovereading  #igreads
👩No momento em que vi a capa dessa HQ, eu quis lê-la imediatamente, e ler a sinopse só reforçou ainda mais a minha vontade. Eu acredito, que toda mulher deve saber o máximo que puder sobre a sua vulva, então estava curiosa para saber quais as informações disponíveis no livro iam ser inéditas para mim. O mais incrível é que praticamente tudo foi novidade!
.
👩🏿A leitura foi um misto de surpresa e aborrecimento. Surpresa em ver a quantidade de informação que eu não tinha e aborrecimento em ver como as mulheres sofreram nas mãos de homens, que fizeram de tudo para que o prazer feminino fosse visto como algo errado. Deu certo, pois hoje o tabu em volta desse assunto é gigantesco!
.
👩🏾Liv traz uma personagem, muitas vezes irônica, que apresenta o conteúdo à leitora. Ela começa apresentando uma lista com sete homens que "se importaram um pouco de mais com a genitália feminina" e o que cada um deles fez sobre isso. Fiquei bem chocada, como exemplos há Santo Agostinho e John Harvey Kellogg (sim, o dono daquele cereal matinal). As atrocidades feitas e faladas por esses e outros homens é revoltante.
.
👩🏻Temos partes da HQ destinadas à anatomia do clitoris, que por incrível que pareça só for descoberta em 1998; ao orgasmo; à aparência da vulva, princialmente dos grandes lábios; à menstruação; à cultura de muitos povos antigos; e ao modo como lidamos com essas questões na nossa cultura atual. Liv traz um grande material sobre o assunto, a autora acredita que, culturalmente, há uma percepção negativa do órgão sexual feminino, pois as pessoas o veem como nojento ou vergonhoso; e isso pode afetar o psicológico das mulheres. Eu fiquei muito satisfeita com o que li em todos esses tópicos, aprendi muito!
.
👩🏼A regra aqui é quebrar os tabus e paradigmas que existem até hoje associados ao corpo feminino e à sexualidade feminina. A Origem do Mundo consegue ser ao mesmo tempo crítico, esclarecedor, liberador e cômico. Uma leitura extremamente necessária!
.
@quadrinhosnacia
ORTEIO 5 ANOS DO ESTANTE DIAGONAL
.
✨ FOTO NÃO OFICIAL
.⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Fevereiro é o mês de aniversário de 5 anos do Estante Diagonal! Para comemorar montamos um super sorteio  para vocês, bora participar? Corre lá no ig do @estantediagonal, procure a FOTO OFICIAL, siga as regrinhas e boa sorte!
.
🗓 O sorteio começa hoje (22/02) e vai até às 23:59 do dia 26/03/2019. O sorteio será realizado até dia
 01/03 e o resultado será postado nos stories do Estante Diagonal.